Brasilian Music Treasure Hunt
-notes from a search for musical treasure from Brazil -a quest for insight and understanding with a tendency to lapse into compulsive shopping


links open windows




This page is powered by Blogger. Why isn't yours?





Subscribe with Bloglines


contact





home





2005-02-06
O Povo:
Ginga pop
Nasceu na África, chegou ao Brasil nas caravelas, meteu-se nos matos e mocambos, mesclou-se com tapuias e tupis. Começou como história real, virou devoção religiosa e já conta mais de século de vida profana, renovando-se a cada carnaval. Nas últimas décadas, extrapolou os três dias de Momo, entrou para a universidade e faz parte da contemporânea cena musical
Gamela da nossa mistura
O cantor e compositor cearense botou o maracatu pra tocar no rádio e na tevê. Com Pavão Mysteriozo, a batida do ferro e o poema de cordel estavam todos os dias na Globo
Batendo tambor
A levada do bumbo e a marcação do ferro, que caracterizam o maracatu cearense, estão no balaio sonoro de três gerações que fazem música em Fortaleza, desde os anos 70

O Globo - Carnaval

The Star Online Malaysia
Music gems from Brazil
Brazil is one of those nations which seems to be eternally wrapped in clichés but manages to turn accepted notions frequently enough to defy them. Brazil, for an assessment in the simplest of terms, is complex.

JB Online:
Cultura que dá samba
A convite do JB, artistas e produtores imaginam desfiles para enredo sobre cenário cultural carioca e vão da descrição à crítica

Afropop:
Bossacucanova - Uma Batida Diferente
Maybe Suba and Chico Science ruined it for us. Maybe we wouldn't have known what was possible in Brazilian electronica if they hadn't existed, and, unfortunately, both perished at such early ages. In general, we shouldn't think of Brazil's digital forays as dance floor material

Diário do Nordeste:
Bossa para lounge
“Bossa electromagnética”, de Luiz Macedo, apresenta um competente flerte do famoso ritmo brasileiro com texturas eletrônicas contemporâneas