Brasilian Music Treasure Hunt
-notes from a search for musical treasure from Brazil -a quest for insight and understanding with a tendency to lapse into compulsive shopping


links open windows




This page is powered by Blogger. Why isn't yours?





Subscribe with Bloglines


contact





home





2004-01-18
Correio da Bahia:
A sedução cosmopolita da neguinha
A baiana Daúde lança disco pelo selo britânico Real World, de Peter Gabriel
Canções estampadas
"Estampado é um disco autoral com canções bem díspares", resume Ana Carolina, que conversou com o Folha, por telefone, do Rio de Janeiro

O Povo:
É proibido cochilar
Ainda no embalo das férias, o Vida & Arte sai do lugar-comum e vai a casas de forró da cidade para uma série de matérias que tem início hoje. É fato: existe um público, crescente e diversificado, que prefere a combinação sanfona e guitarra a voz e violão
É lotação!
Em 1946, Luiz Gonzaga mostrou como se dança o baião. Daquele ano até hoje, muita coisa mudou. O Vida & Arte foi às casas de forró espalhadas por Fortaleza para mostrar que o gênero
O pé-de-serra e o ''forró''
Uma onda de forró estilizado entope emissoras de rádio e programas de TV. Bandas de nomes esdrúxulos, dançarinas seminuas e pouca criatividade nas composições ''vendem'' a idéia de um Ceará do xote estilizado
''Só gata de cinema''
O forró é, pode-se dizer, um carnaval feito de sanfonas (no mínimo). Democrática, aberta ao público em geral desde quando ainda se chamava ''forrobodó''
Sete dias por semana
Ingressos com preço variando entre o popular e o para turistas. Parques de vaquejada que comportam até 25 mil pessoas ou quintal para, no máximo, 150 pares
''A Rainha''
Ela ficou uns quatro anos sem aparecer. Ou, pelo menos, sem aparecer como a ''Rainha do Forró''. Assim era conhecida a cantora Eliane, desde Messejana (onde mora) ao sul do País (onde, na metade dos anos 80 e começo dos 90, foi atração nos programas da Xuxa, Mara e Raul Gil).

Diário de S. Paulo:
As vozes que guiam o carnaval
Intérpretes da folia paulistana aceitam novos desafios, mudam de escola e se preparam para os 65 minutos de desfile; expressão “puxador de samba” desagrada maioria dos músicos

Gazeta do Povo:
Reduzida e sem Lamartine
Houve um esvaziamento sem precedentes na programação de atividades

JB Online:
Ritmos que falam do Brasil
A cantora, cavaquinista e pesquisadora Luciane Menezes lança dois discos regionais
Revitalizadora da Lapa
Apesar de mais de 10 anos de carreira e de ser uma das responsáveis pela retomada do samba nos bares da Lapa, Luciane Menezes nunca teve qualquer oportunidade nas gravadoras.

Sovaco de Cobra:
A consagração de uma vida - Família Assad no Sesc Vila Mariana
Meu primeiro contato ao vivo com a família Assad foi num concerto em 1995, no Sesc Anchieta, em SP, durante um festival de Campos do Jordão. Como atrações principais, Sérgio e Odair Assad esbanjaram encanto e perfeccionismo capazes de hipnotizar mesmo aqueles que nunca tinham conhecido até o violão como instrumento de música de câmara.

Eu canto samba:
Deixa Clarear (Wilson Moreira e Nei Lopes)
Na minha opinião, esta é uma das mais belas músicas da dupla Wilson Moreira/Nei Lopes. Só não digo que é a mais bonita, porque não sou capaz de escolher um entre tantos sambas clássicos da dupla.

meu lote:
Os orixás saúdam os evangélicos de Irajá
Leio no Globo (10/1/04), na coluna carnavalesca de Cesar Tartaglia, sobre a existência em Irajá, bairro carioca onde nasci e fui criado, da existência de uma escola de samba formada por evangélicos, que desfila no carnaval da Avenida Rio Branco, em missão de proselitismo.