Brasilian Music Treasure Hunt
-notes from a search for musical treasure from Brazil -a quest for insight and understanding with a tendency to lapse into compulsive shopping


links open windows




This page is powered by Blogger. Why isn't yours?





Subscribe with Bloglines


contact





home





2001-09-11
Jornal do Brasil:
Sambas inéditos de baús e caderninhos
Mestres do gênero, Seu Jair, 81 anos, e Argemiro, de 79, finalmente lançam primeiros discos solos
Paulo da Portela, afinal, sai do vinil
O lustrador de móveis Paulo Benjamim de Oliveira (1901-1949) entrou para a história não apenas como um dos fundadores da escola azul e branco que grudou-lhe no apelido, mas na pele de um embaixador da comunidade do samba entre os poderosos. Muito antes da idéia das cotas de reparação aos negros escravizados - e do emprego do termo comunidade no atual sentido -, o comunista Paulo da Portela já impunha respeito obrigando seus pares a ocuparem pés e pescoços. Ou seja, usar calçados e gravata para serem respeitados.
Trio Mocotó para iniciantes
Samba-rock da banda ganha toques modernos no primeiro disco em mais de 20 anos

A Tarde:
Tuzé lança CD nesta quinta
Baiano, 53 anos, Tuzé de Abreu, flautista, entre outras especialidades, já tocou com Caetano Veloso, Elza Soares, Gilberto Gil, Tom Zé e Cauby Peixoto. Contudo, só agora, após uma espera de cerca de 40 anos, lança oficialmente um álbum quase todo autoral. O disco tem a participação de Gal Costa e Jussara Silveira. Na quinta (13), das 18h às 21h, Tuzé faz o lançamento no Museu de Arte Moderna (Contorno).

Jornal O Norte:
Rappin’ Hood mistura seu discurso com embolada e samba, e diz que o Tigrão faz ‘bundinha-music’
Ele está lançando o CD Rappin’ Hood em Sujeito Homem (Trama) e tem sido chamado por parte da mídia, de ‘O Paulinho da Viola do Rap’. Lisongeado com a comparação, Rappin’ tenta ser o príncipe dos pobres, assim como Robin Hood foi o príncipe dos ladrões, roubando dos ricos para dar aos menos favorecidos. Neste seu disco de estréia, destacam-se as faixas "De Repente" (embolada com participação de Caju (que morreu antes do disco sair) & Castanha e "Suburbano" (um samba-rap com participação da engajada Leci Brandão).

Jornal de Brasília:
Música brasileira com 23 cordas
Tudo começou com uma jam session sem compromisso. Isso foi há três anos. Hoje, o que era uma "brincadeira de músicos" transformou-se em um trabalho profissional com 23 cordas. As dez do bandolim de Hamilton de Holanda, sete do violão de Rogério Caetano e seis do violão de Daniel Santiago. Os três jovens músicos formam o trio Brasília Brasil, que lança hoje o primeiro CD, intitulado Abre Alas.

O Estado de S. Paulo:
Riachão é atração de hoje do programa 'Ensaio'
O compositor baiano, autor de 'Cada Macaco no Seu Galho', canta suas músicas e conta sua vida em programa inédito, dirigido por Fernando Faro
Aragão lança 'Todas', já com sucesso
O compositor chega ao seu 14.º disco, com coerência e fazendo samba romântico

Diário do Grande ABC:
Pacote reúne sete discos de Tim Maia
Quase três anos e meio depois da morte de Tim Maia, e às vésperas do que seria seu 59º aniversário, a Paradoxx coloca no mercado sete discos do cantor anteriormente lançados pelo seu próprio selo, Vitória Régia. Junto com estes, chega às lojas o CD Tim Maia Pra Sempre (R$ 20 em média cada um) com quatro canções dedicadas a Adriana Silva, a mulher com quem estava casado quando morreu.

Correio Braziliense:
Arrasta-pé de Gilberto Gil pode levar Grammy Latino
Criada em torno de certa polêmica, no ano passado, a edição latina do Grammy divulgará hoje à noite a lista dos vencedores de 2001. Entre os indicados estão brasileiros, que representam da MPB (Gilberto Gil, Marisa Monte) a bandas pop (Charlie Brown Jr., Cidade Negra), disputando estatuetas em sete categorias da premiação.

CliqueMusic:
Seu Jorge vem com velho esquema novo
Atacando na música , no teatro e no cinema, o ex-Farofa Carioca avisa: veio para trazer a evolução do samba